Todas as novidades do Enem 2019

Atualizado em: 21.03.2019

by Enem 2019 on 03/21/2019

Estamos próximos do período das inscrições, por isso, neste artigo vamos apresentar todas as novidades do Enem 2019. O Exame Nacional do Ensino Médio é famoso por receber milhões de inscritos, pois é a principal porta de entrada para cursar o ensino superior. Conforme as novidades, os principais focos do atual Governo no Enem 2019 é reduzir o gasto e apresentar questões com conformidade a realidade social.

Os responsáveis pelo Enem 2019 são o Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira com autarquia vinculada ao MEC – Ministério da Educação. O MEC utiliza o exame com a finalidade de avaliar o nível de aprendizado do ensino médio no Brasil. Contudo, desde 2009 a pontuação adquirida no exame pode ser utilizado como critério de seleção para ensino superior através dos programas educacionais.

Novidades do Enem 2019

Todas as novidades do Enem 2019Em primeiro lugar, no dia 27 de fevereiro o Ministério da Educação divulgou o calendário do Enem 2019, na qual ficou na seguinte maneira:

  • As isenções deverão ser solicitadas do dia 1 a 10 de abril;
  • As inscrições ocorrerão do dia 6 a 17 de maio;
  • As provas permanecem sendo aplicadas em dois domingos, assim sendo nos dias 3 e 10 de novembro.

Contudo, não foi informado qual será a data de divulgação do edital do Enem 2019. Certamente o documento deverá está disponível no Diário Oficial da União nos próximos 10 dias, pois os pedidos de isenções terão início no próximo mês.

Conforme divulgação feita no portal do Inep no dia 11 de março, a instituição economizará no Enem 2019 42 milhões. Para está economia ocorrer a instituição fará uma reformulação nas seguintes áreas:

  • Provas: Eventualmente a mudança ocorrerá na diagramação dos cadernos. Desta forma, o Inep acredita que irá sobrar um grande espaço em branco, assim economizando na impressão das folhas de rascunhos personalizadas;
  • Coleta da biometria: A ficha de recolhimento biométrico continha cravada uma lâmina de grafite individual. Conforme anunciado, a coleta será feita em uma esponja de tal forma que poderá ser usada mais de três mil vezes;
  • Capacitação de todos os colaboradores: Antes das provas serem aplicadas elas passam por testes a distância e presenciais. Entretanto, haverá uma redução nas capacitações presenciais e aumento nas capacitações a distância, com isso, economizará em passagens e hospedagens.

Os cálculos feitos pelo Inep foram com base na edição 2018, onde especularam um gasto de R$84,66 por candidato. É importante ressaltar que foram 5,5 milhões de inscritos confirmados, contudo, cerca de 24,53% não compareceram.

Inep cria comissão para aferir questões do Enem 2019

Após o final da edição passada, o atual presidente Jair Bolsonaro sinalizou mudanças no exame, pois não estaria contente com o conteúdo cobrado na prova. Com isso, nesta semana o Inep criou uma comissão que avaliará as questões que serão aplicadas no Enem 2019. Eventualmente o resultado do trabalho não será divulgado.

Conforme divulgado, foram selecionados três nomes da comissão, onde farão uma leitura transversal do conteúdo no Banco Nacional de Item – BNI. O documento poderá ser visualizado através do Portal do Inep (clique e veja). A comissão será composta pelos seguintes membros:

  1. Como representante do MEC o Marco Antônio Barroso Faria – Secretário de Regulação e Supervisão da Educação Superior;
  2. O Inep é representado por Antônio Maurício Castanheira das Neves – Diretor de Estudos Educacionais;
  3. Representando a sociedade civil o procurador de Justiça do Ministério Público de Santa Catariana Gilberto Callado de Oliveira.

É estimulado que a comissão consiga concluir todo o trabalho em um prazo de dez dias. A procuradora federal Demorah Duprat apresentou um ofício ao Inep para que façam esclarecimentos sobre a comissão. A procuradora representa a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão – PFDC do Ministério Público Federal – MPF. No ofício é solicitado sobre quais foram as avaliações realizadas na edição passada que levaram a revisão de itens no BNI, na qual é nomeado como “leitura transversal”.  Além disso, a comissão pede esclarecimento sobre a qualidade técnica e profissional dos membros da comissão.

A procuradoria fixou um prazo de cinco dias para que o Inep apresente a resposta com a documentação pertinente.

Como visualizar o Edital do Enem 2019?

Datas do Enem 2019Eventualmente o edital do Enem 2019 deverá ser divulgado nos próximos 10 dias. O documento é visualizado no Diário Oficial da União – DOU ou acessando o portal do Inep através do link https://enem.inep.gov.br.

A divulgação do edital terá que ocorrer antes do dia 1 de abril, pois será o início do pedido de isenção. Eventualmente o Inep e nem o MEC divulgou se terá alteração naqueles que possuem direito ao pedido, atualmente são eles:

  • Estudantes que neste ano vão concluir o ensino médio em escola de rede pública;
  • Participantes que concluíram o ensino médio através do Encceja 2018 – Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos;
  • Aquele que concluiu todo o ensino médio em escola de rede pública ou como bolsista integral em rede privada. Contudo, tenha uma renda capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio;
  • Aqueles que declare estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por estar inscrito no CadÚnico. Eventualmente é considerado família de baixa renda aqueles com per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários.

Não deixe de curte e compartilhar a pagina o Facebook do Enem, assim continua ligado nas notícias do Enem 2019. Conheça também a apostila digital, sendo um dos melhores materiais de estudos, não perca tempo. Desde já desejamos todos boa sorte!

 

 

 

Todas as novidades do Enem 2019
4.9 (98.18%) 11 votos

Leave a Comment

Notícia anterior:

Próxima notícia: